Revista Vacatussa volta a circular no Recife

A quinta edição da Revista Vacatussa, que reúne contos e ilustrações de autores experientes e principiantes, será lançada amanhã (28/04/14). A publicação, que tem como escritor convidado Sidney Rocha, vencedor do Prêmio Jabuti, traz ainda trabalhos de outros nove escritores, vindos de Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Alagoas.Depois de sete anos de hiato a revista também traz um modelo experimental de distribuição.

Os textos foram selecionados a partir de uma convocatória, que recebeu 421 trabalhos de 135 autores. Depois de uma pré-seleção, foram escolhidos para esta edição contos de André Balaio, Aymmar Rodriguéz, Cesar Cardoso, Cínthia Klummp, Daniel Vas, Ludmila Rodrigues, Mário Rodrigues, Mateus Barbosa e Nathalia Queiroz. Para ilustrar as narrativas, foram escalados Blackzebra, Greg, Jarbas, Javier Alonso, Juliano Dornelles, Julieet, Kelen Linck, Moca, Samuca e Silvino.

Sidney Rocha é o escritor convidado dessa edição da revista
Sidney Rocha é o escritor convidado dessa edição da revista

A versão virtual da revista estará disponível para leitura e download no site do Vacatussa (www.vacatussa.com). Quem preferir a revista impressa, poderá adquiri-la em fotocopiadoras e gráficas rápidas do Recife, num esquema de impressão por demanda. A lista com os endereços desses locais também se encontra no site. A ideia é unir a capacidade de produção das xeroxes ao seu poder de penetração junto ao público.

Cada um desses estabelecimentos receberá um kit com o arquivo da Revista Vacatussa em PDF, um exemplar impresso (para servir de matriz para as cópias) e um cartaz em tamanho A3 para ser afixado na xerox, divulgando detalhes da edição e informando a disponibilidade do produto. Dessa maneira, os leitores arcam com o custo de impressão da revista, pagando apenas o modesto valor cobrado pela cópia.  A revista foi criada em 2005 como um espaço de incentivo à produção literária e de divulgação do trabalho de escritores contemporâneos. Desde o princípio, busca diferentes formas de contar uma história, apostando no diálogo entre escritores e ilustradores. Depois de sete anos de hiato, a Vacatussa volta a circular, agora com apoio do Funcultura para seis edições.

Convocatória

A convocatória para o próximo número da revista já está aberta. Todo mundo pode participar da seleção, enviando textos dos gêneros conto, poesia e crônica para o e-mail vacatussa@gmail.com, até o dia 10 de maio. A Revista Vacatussa#6 será publicada em junho. Os autores selecionados receberão a quantia de R$ 300. O regulamento completo pode ser lido no sitewww.vacatussa.com.

Site

Mais do que uma plataforma de distribuição da revista, o vacatussa.com (que passa a ser novamente atualizado a partir de terça-feira, também mediante incentivo da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco) oferece conteúdo próprio. Criada em janeiro de 2006, a página retorna às atividades com a proposta de analisar criticamente a produção literária contemporânea, por meio da elaboração de resenhas e artigos. Para tanto, o site reuniu uma equipe fixa formada pelo escritor e crítico Cristhiano Aguiar e os jornalistas Thiago Corrêa e Hugo Viana.

Nesse início, além do acervo de 122 críticas já existente, o site traz análises de livros como Olho morto amarelo de Bruno Liberal, O metal de que somos feitos de Walther Moreira Santos, Divórcio de Ricardo Lísias, Pesado de Wilfred Gadêlha, Você vai voltar para mim e outros contos de Bernardo Kucinski.

Além de resenhas de livros, o site trará um dossiê sobre algum tema ou um escritor representativo para a literatura pernambucana. Para a estreia da página, o autor escolhido foi o escritor Sidney Rocha. Os dossiês são mensais e serão compostos por um breve perfil, entrevista, resenhas de suas obras e jogos temáticos (palavras cruzadas e caça-palavras) inspirados na vida e na ficção do autor.

Outra novidade do site é a seção A cidade em palavras, mapa onde os leitores poderão navegar pelo Recife através de trechos de obras que falam sobre lugares e paisagens da cidade. O conteúdo será constantemente atualizado e por enquanto reúne passagens de obras de autores como Raimundo Carrero, Ronaldo Correia de Brito, Everardo Norões, Marcelino Freire e Alexandre Furtado.

Conheça os autores dessa edição

Imagens que ilustram os textos de Nathalia Queiroz, Cínthia Klumpp e Aymmar Rodriguéz

André Balaio nasceu no Recife-PE, em 1968. Tem contos publicados nos livros Histórias Medonhas d’O Recife Assombrado(2002) e Malassombramentos (2010). É roteirista de quadrinhos, músico, DJ e editor d’O Recife Assombrado (www.orecifeassombrado.com). Nas horas vagas, caça fantasmas e malassombros nas noites do velho Recife.

Aymmar Rodriguéz nasceu numa das brenhas do rio Jundiaí (SP), em 1985. Reside no Recife. Publicou os livros Pornópolis(contos) e Baba de moço (poesia) pela Livrinho de Papel Finíssimo Editora, e Atirem a pedra (poesia) que faz parte da antologiaTríade,
junto com Raimundo de Moraes e Semíramis. E-mail: babecomigo@gmail.com

Cesar Cardoso nasceu no Rio de Janeiro-RJ, em 1955. Tem diversos livros infantis publicados e o de contos As primeiras pessoas. Escreveu para a revista Caros Amigos, para os jornais O Pasquim e O Planeta Diário e para programas como TV Pirata, A Grande Família e Sai de Baixo. Edita o blog PATAVINA’S (www.cesarcar.blogspot.com).

Cínthia Klummp nasceu em São Paulo-SP, em 1986. É formada em Comunicação Social, trabalha com marketing e faz mestrado em Comunicação e Semiótica. Tem contos publicados nos livros Palavras e Progresso (Litteris) e Edifício Marquês de Sade (Valer). Nas horas vagas mantém o blog sersentindo.blogspot.com.


Daniel Vas nasceu em São Paulo-SP, em 1994. É estudante de Psicologia na USP e usa o que aprende em sala de aula como material para criar alguns de seus textos. Já publicou os contos Espelho e Chuveiro na coletânea Edifício Marquês de Sade. Mantém o blog argumentoinverso.wordpress.com

 Ludmila Rodrigues nasceu em Salvador-BA, em 1991. Publicou O rosto na xícara (2012) e Minha cabeça já não comporta tantos antigamentes (2014). Atualmente, é estudante de Letras Vernáculas na Universidade Federal da Bahia (UFBA) e publica contos, poemas e rabiscos no blog: ludmila-rodrigues.blogspot.com.br.

 Mário Rodrigues nasceu em Garanhuns-PE, em 1977. É professor e especialista em língua portuguesa pela UPE. Em 2010, sua coletânea de contos O vendedor de seriguelas recebeu menção honrosa no Prêmio Sesc de Literatura. Publicou os romances A curva secreta da linha reta (2011) e Brazil, 2014 (2012), ambos pela u-Carbureto.

 Mateus Barbosa nasceu em Maceió-AL, em 1977. Atualmente vive entre o Recife e o Rio de Janeiro. É escritor de contos e crônicas e roteirista da Rede Globo, onde escreve seriados de TV. É incoerente, paradoxal, vive se contradizendo, se sente como uma fraude e vive tentando não ser desmascarado.

Nathalia Queiroz nasceu em Recife-PE, em 1986. É designer por formação, desde sempre se mantém passeando por meios que de alguma forma a traduzam. Já teve textos publicados no Suplemento Pernambuco, integrou a Coletânea Antônio Maria de Crônicas (FCCR, 2012) e mantém o blog: nathaliaq.wordpress.com.

Sidney Rocha nasceu em Juazeiro do Norte-CE, em 1965. Atualmente mora no Recife. É autor do romance Sofia, uma ventania (1994), Matriuska (2009) e O destino das metáforas (Iluminuras, 2011), pelo qual recebeu o Prêmio Jabuti na categoria Contos e Crônicas. Integrou ainda a antologia Geração Zero Zero (2010).

 Com informações da assessoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *